Agenda

Junho, 2019

06/06 (das 15h30 às 19h30)

Cerimônia de apresentação das contribuições do ISAGS ao fortalecimento da Integração Sul-Americana em Saúde

A diretora executiva do Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde, Carina Vance Mafla, tem a honra de convidar para a cerimônia de apresentação das contribuições do ISAGS ao fortalecimento da Integração Sul-Americana em Saúde.

Por ocasião da suspensão das atividades do instituto, realizaremos uma homenagem ao ex-ministro de Saúde da República Federativa do Brasil e primeiro diretor executivo do ISAGS, Dr. José Gomes Temporão; ao Dr. Celso Amorim, ex-ministro de Relações Exteriores da República Federativa do Brasil; e à Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), representada por sua presidenta, Dra. Nísia Trindade Lima.

Após a cerimônia haverá coquetel de confraternização.

O evento acontecerá na sede do ISAGS com portas abertas e também será transmitido ao vivo por Facebook: @isags.unasursalud

  • Organizado por: ISAGS-UNASUR
  • Local: Av. Rio Branco, 151, 19º andar, Centro, Rio de Janeiro.

Maio, 2019

07/05 (das 16h30 às 18h00)

Diálogos do Sul “Bom governo em saúde e integração regional: Desafios e Oportunidades”

O ISAGS-UNASUR, em parceria com a FLACSO-Argentina, organizará em sua sede a edição “Bom governo em saúde e a integração regional: desafios e oportunidades” do Diálogos do Sul. O evento contará com a participação de representantes do ISAGS-UNASUR, assim como da FLACSO-Argentina. Nesta edição, os debates principais ficarão a cargo de alunos/as do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde, cujos trabalhos foram selecionados para serem apresentados e que tratam de temas como integração regional, interculturalidade, saúde como direito humano, inovação e acesso universal.

Programação:

Boas-vindas e mediação de debate com Carina Vance, Diretora Executiva, ISAGS-UNASUR.

Debatedores e debatedoras:

Belén Herrero, pesquisadora titular da FLACSO-Argentina, Co-cordenadora do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde.

Vivian Camacho, médica-cirurgiã da Bolívia, membro da Comissão de Alto Nível  “Saúde Universal no Século XXI: 40 anos de Alma Ata”, estudante do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde.

Mariana S. Leone, doutoranda em Relações Internacionais pela Universidad Autónoma de Madrid, estudante do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde.

Darwin Luna, Analista de Habilitación, Vigilancia y Control de Establecimientos Prestadores de Servicios de Salud de ACESS (Equador), estudante do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde.

Ana Kuster, Gerente de Servicios Asistenciales, Banco de Previsión Social (Uruguai), estudante do I Curso Sul Americano de Governo em Saúde.

O evento acontecerá na sede do ISAGS com portas abertas e também terá transmissão ao vivo via Facebook:
https://www.facebook.com/isags.unasursalud/

  • Organizado por: ISAGS-UNASUR e FLACSO-Argentina
  • Local: Av. Rio Branco, 151, 19º andar, centro, Rio de Janeiro

Março, 2019

27/03 (das 16h30 às 18h00)

Março, 2019

Diálogos do Sul: Judicialização de Medicamentos na América do Sul

Por ocasião do lançamento do estudo “Judicialização da droga nos países da América do Sul”, feito em parceria com a USP – Universidade de São Paulo, o ISAGS-Unasul abre espaço para o diálogo reflexivo sobre o papel do litígio legal na busca de indivíduos por acesso público e gratuito a medicamentos.

A saúde entendida como um direito fundamental é, por excelência, a grande diretriz da Unasul e dos governos sul-americanos. Por sua vez, os esforços em torno da saúde equitativa e para todas as pessoas são baseados em acordos coletivos e debates históricos e mundiais. Enquanto isso, o número de casos de demandas judiciais por acesso a medicamentos fora das listas oficiais dos sistemas de saúde dos países da América do Sul é expressivo e nos desafia a levantar questionamentos.

A judicialização dos medicamentos é um mecanismo que garante o direito universal à saúde ou atua de forma a relativizar o conceito de direito à saúde e prejudica a gestão pública em saúde? Quais medicamentos que governos devem garantir à população? Para quais atores econômicos interessa a inserção de novos produtos farmacêuticos à lista geral de medicamentos à disposição da população com base nas demandas individuais?

Programação:

Boas-vindas e apresentação dos resultados do estudo com Angela Acosta, Especialista em Medicamentos e Tecnologias de Saúde do ISAGS.

Comentários de

Dr. Carlos Durán Salinas, Vice-Ministro da Governança e Vigilância Sanitária do Equador

Fernando Aith, professor da Universidade de São Paulo e diretor do Instituto de Direito da Saúde

Carina Vance, diretora executiva do ISAGS

Palavras finais com Angela Acosta, Especialista em Medicamentos e Tecnologias da Saúde ISAGS.

 

TRANSMISSÃO AO VIVO via Facebook:
https://www.facebook.com/isags.unasursalud/

 

Saiba mais

Fevereiro, 2019

21/02 às 16h30

Fevereiro, 2019

A discussão sobre gênero se manifesta cada vez mais como um fator político que merece urgentemente ser discutido. O ISAGS reafirma seu compromisso em fortalecer políticas de saúde que abordem todos os aspectos da violência de gênero, destacando a responsabilidade dos Estados de gerar condições para que nenhuma pessoa sofra violência.

É nesse contexto que a instituição abre suas portas para debater:

  • Feminização da pobreza
  • Violência Doméstica
  • Participação política e judicial de mulheres
  • Perspectiva trans

 

Para refletir sobre esses problemas, teremos a presença de:

Monica Francisco

Mulher, favelada, feminista negra, deputada estadual em 2018 no Rio de Janeiro pelo PSOL. Cientista social e pastora evangélica. Militante do movimento de favelas no Rio, da economia solidária, de Rádio Comunitária e integrou a equipe da vereadora Marielle Franco.

Arlanza Rebello

Desde 2001 Coordenadora do Núcleo de Defesa dos Direitos da Mulher (Nudem) da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. Conhece de perto a realidade de vítimas de violência doméstica e trabalha no enfrentamento a este tipo de crime, que está em todas as classes sociais.

Rafaela de Freitas Baptista de Oliveira

Juíza de Direito Titular da 2ª Vara de Guapimirim, que conta com Juizado de Violência Doméstica e Especial Adjunto.  Pesquisa os seguintes temas: direito e gênero, representatividade, acesso à justiça, violência doméstica, direito penal e criminologia. Graduada em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e fazendo pós-Graduação Lato Sensu em Gênero e Direito da Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro.

Sandra Vale

Sandra Vale é Consultora de Gestão e Desenvolvimento Institucional no Instituto Promundo desde 2016. É advogada e mestre em História, Política e Bens Culturais pela Fundação Getúlio Vargas. Possui experiência de mais de 15 anos em gestão, coordenação e produção de ONGs, projetos, programas, eventos e campanhas. Nos últimos anos atuou como produtora executiva do programa “A Cor da Cultura” do Canal Futura.

Amiel Vieira

Intersexo, homem trans e sociólogo. Mestre em ciências humanas e sociais pela Universidade Federal do ABC (UFABC) e Doutorando em bioética pelo programa de pós graduação em bioética, ética aplicada e saúde coletiva pela UFRJ. Pesquisador de gênero e sexualidade.

Cantoras convidadas: Banda filhas de María