Agenda

Agosto, 2014

01/08 até 07/08

Semana Mundial da Amamentação

Adotados na Declaração do Milênio de 2000, os oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), foram estabelecidos por governos e pelas Nações Unidas para combater a pobreza e promover o desenvolvimento saudável e sustentável de uma forma abrangente até 2015. De fato, a amamentação está associada a todos os ODM.

Neste ano o tema da Coordenação WABA para a Semana Mundial da Amamentação / SMAM – WABA vem responder à atual contagem regressiva para alcançar os “Objetivos do Milênio”, afirmando a importância de aumentar e manter o apoio, a promoção e a proteção a amamentação na agenda pós 2015, envolvendo o maior número de grupos e pessoas de diversas idades possíveis nesta questão.

No período de 1 a 7 de agosto, a WABA e defensores da amamentação em mais de 175 países no mundo estarão comemorando a SMAM com o tema “Amamentação: Uma Vitória para toda vida!” destacando que para alcançar plenamente os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (principalmente os ODM 4 e 5) exige que a amamentação seja precoce, exclusiva e contínua.

  • Organizado por: Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (
  • Local: Mundial

Julho, 2014

23/07 até 24/07

IV Reunião Ordinária do Conselho Consultivo do ISAGS

Entre os dias 23 e 24 de julho de 2014, ocorrerá na sede no Instituo Sul-americano de Governo em Saúde (ISAGS/UNASUR), no Rio de Janeiro, Brasil, a IV Reunião Ordinária do seu Conselho Consultivo. 

O Conselho Consultivo do ISAGS é um órgão permanente e cumpre funções consultivas ante a Direção Executiva do Instituto. Reúne-se anualmente e conta, principalmente, com a participação dos Coordenadores Nacionais dos Grupos Técnicos e das Redes Estruturantes do Conselho Sul-americano de Saúde. 

Março, 1901

21/03 às 16h30

Fevereiro, 2019

A discussão sobre gênero se manifesta cada vez mais como um fator político que merece urgentemente ser discutido. O ISAGS reafirma seu compromisso em fortalecer políticas de saúde que abordem todos os aspectos da violência de gênero, destacando a responsabilidade dos Estados de gerar condições para que nenhuma pessoa sofra violência.

É nesse contexto que a instituição abre suas portas para debater:

  • Feminização da pobreza
  • Violência Doméstica
  • Participação política e judicial de mulheres
  • Perspectiva trans

Para refletir esses problemas, teremos a presença de:

 

Arlanza Rebello

Desde 2001 Coordenadora do Núcleo de Defesa dos Direitos da Mulher (Nudem) da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. Conhece de perto a realidade de vítimas de violência doméstica e trabalha no enfrentamento a este tipo de crime, que está em todas as classes sociais.

Rafaela de Freitas Baptista de Oliveira

Juíza de Direito Titular da 2ª Vara de Guapimirim, que conta com Juizado de Violência Doméstica e Especial Adjunto.  Pesquisa os seguintes temas: direito e gênero, representatividade, acesso à justiça, violência doméstica, direito penal e criminologia. Graduada em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e fazendo pós-Graduação Lato Sensu em Gênero e Direito da Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro.

Sandra Vale

Sandra Vale é Consultora de Gestão e Desenvolvimento Institucional no Instituto Promundo desde 2016. É advogada e mestre em História, Política e Bens Culturais pela Fundação Getúlio Vargas. Possui experiência de mais de 15 anos em gestão, coordenação e produção de ONGs, projetos, programas, eventos e campanhas. Nos últimos anos atuou como produtora executiva do programa “A Cor da Cultura” do Canal Futura.