Grupo Técnico de Vigilância e Resposta em Saúde da UNASUL se reúne em Assunção

19/04/2018

Em 13 de abril, o grupo formado pelas autoridades de vigilância e resposta dos países da América do Sul realizou uma reunião na capital paraguaia.

Além dos representantes de Argentina, Brasil e Paraguai (em pessoa) e Bolívia, Colômbia, Chile, Equador e Uruguai (virtualmente), o evento contou com a presença do especialista do ISAGS no assunto, Eduardo Hage Carmo, e de um representante da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS / OMS), Roberta Andraghetti.

Após a apresentação da agenda e introdução ao tema da reunião pelo Dr. Agueda Cabello (coordenadora alterna do GT) foram apresentados os principais resultados das reuniões organizadas pela OMS sobre o Plano Global Estratégico Quinquenal para melhorar a resposta e preparação em Saúde Pública e a Estrutura de Monitoramento e Avaliação do Regulamento Sanitário Internacional (RSI), que serão discutidos na 71ª Assembleia Mundial da Saúde, em maio. Foi proposta uma posição comum da região, para servir de insumo à participação dos países na Assembleia.

Entre os pontos abordados na reunião estava a necessidade de contar com um Marco de Monitoramento e Avaliação para a Implementação do RSI (2005), como um documento independente, que deveria ser submetido para análise e decisão pela Assembleia Mundial da Saúde; manter a autoridade dos países em relação à natureza voluntária dos componentes da avaliação externa conjunta, avaliações após a ação, exercícios de simulação, bem como em relação à composição das equipes responsáveis ​​por estas atividades (se incluem participantes externos, por exemplo).

Compartilhar